sábado, 10 de janeiro de 2009

As Interpretações e a Bíblia

As discussões têm aumentado muito nos últimos tempos sobre a interpretação da Bíblia. É comum nos nossos dias, ouvirmos várias interpretações diferentes sobre o mesmo texto ou tema. Os "intérpretes", como assim gostam de ser chamados, tem alimentado uma grande discussão sobre o entendimento dos textos da santa palavra de Deus. Ao lermos livros que falam sobre o mesmo assunto, é comum percebermos a diferença de visão sobre um determinado texto da Bíblia e conseqüentemente, interpretações distantes e improvisadas. As falácias exegéticas são constantes e as opiniões se dividem.
Isso acontece por um motivo, infelizmente muito comum, ao qual faço questão de combater. Os denominados "intérpretes", insistem em analisar o texto da santa palavra, e, baseados em seus próprios pressupostos e paradigmas, argumentar que a Bíblia esta dizendo isso ou aquilo, essas conclusões são tiradas porque estes homens anseiam em dar a palavra uma "nova interpretação", que segundo a sua hermenêutica, seria isso ou aquilo.
Bem, sinto decepcionar tais "intérpretes", mas a santa palavra de Deus tem interpretação própria e única, é isso mesmo, somente a Bíblia pode ser a sua intérprete e ela já esta interpretada, não há nada na palavra de Deus que precise do auxílio do homem para que tudo se esclareça. A Bíblia já esta interpretada e esta interpretação é única. Para compreendê-la é preciso conhecer e saber aplicar as regras e fundamentos da hermenêutica e buscar a iluminação do Espírito Santo. Não obstante a sinceridade no coração de cada um, entender a Bíblia é outra coisa, requer humildade e piedade. Que Deus nos ajude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário