quinta-feira, 25 de junho de 2009

Método Analítico de Estudo da Bíblia

O mitte da reflexão hermenêutica esta na redundância dos fatos, e na exaustividade do pensamento critico contemporâneo. O método analítico esta diretamente ligado a terceira regra da hermenêutica, e deseja contribuir com o trabalho do hermeneuta. Trata-se do exame cuidadoso do capítulo ou passagem bíblica em foco.

Analisar a Bíblia é estudar o objeto do capítulo ou passagem bíblica em seus pormenores, tendo o cuidado de anotar até os mais minúsculos aspectos, é este o objetivo do estudo analítico da Bíblia, não obstante, ser datalhista. Com ele procuramos examinar cuidadosa e completamente uma passagem bíblica. O propósito é compreender o que o hagiógrafo tinha em mente quando escreveu àqueles a quem se dirigia.

Na abordagem analítica se estuda o conteúdo de cada livro. O estudo analítico da Bíblia é o momento exaustivo do estudo da santa palavra de Deus. É fundamental para o completo conhecimento da palavra de Deus, permitindo ao discente deparar-se com o porquê o escritor disse o que disse do modo como disse. O objetivo deste método é reconstruir tão claramente quanto possível o pensamento original do autor. Este método examina tudo como por um microscópio. Usando a ilustração de uma biblioteca, na abordagem analítica você estuda o conteúdo de cada livro.

Regras Para Método Analítico

01 – Leia a passagem cuidadosamente (03 vezes) e aplique as quatro regras.
02 – Bombardeia a passagem com perguntas como: Quem? Quê? Onde? Quando? Por quê? Como?
03 – Anote as palavras chave.
04 – Escreva o que não compreende acerca do texto e especifique.
05 – Descubra o pensamento-chave de cada versículo.
06 – Delimite os assuntos que o pensamento chave esta expressando.
07 – Faça um sumário destes assuntos.
08 – Descubra a idéia eixo dos resultados acima.
09 – Destile esta idéia em uma sentença.
10 – Dê um título para o texto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário