terça-feira, 17 de julho de 2012

Salmo 125 - Reflexão


DEUS PROTEGE OS SEUS

Sl 125.1 Aqueles que confiam no Senhor são como o monte Sião, que não pode ser abalado, mas permanece para sempre.
Depositar nossa confiança em Deus, faz-nos estar firmes como uma montanha, semelhante a ela não seremos abalados pelas adversidades, mais com confiança em Deus permaneceremos firmes diante dos problemas e dificuldades.

Sl 125.2 Como estão os montes ao redor de Jerusalém, assim o Senhor está ao redor do seu povo, desde agora e para sempre.
As montanhas cercam Jerusalém como uma muralha, não obstante, o nosso Deus nos cerca e protege do mau, e isso para sempre.

Sl 125.3 Porque o cetro da impiedade não repousará sobre a sorte dos justos, para que os justos não estendam as suas mãos para cometer a iniqüidade.
Os homens maus não terão influência permanente sobre os bons, e por isso, não levarão os bons a praticar coisas erradas.

Sl 125.4 Faze o bem, ó Senhor, aos bons e aos que são retos de coração.
As coisas boas da parte de Deus, serão derramadas sobre aqueles que buscam praticar o bem.

Sl 125.5 Mas aos que se desviam para os seus caminhos tortuosos, levá-los-á o Senhor juntamente com os que praticam a maldade. Que haja paz sobre Israel.
Contudo, aqueles que conhecem o bem e  insistem em não praticá-lo, serão somados aos homens maus e perversos. Que haja paz sobre o povo de Deus.

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Enquete - Qual o seu entendimento do texto abaixo?

A Vida Através do Espírito

Rm 8.1 Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.
Rm 8.2 Porque a lei do Espírito da vida, em Cristo Jesus, te livrou da lei do pecado e da morte.
Rm 8.3 Porquanto o que era impossível à lei, visto que se achava fraca pela carne, Deus enviando o seu próprio Filho em semelhança da carne do pecado, e por causa do pecado, na carne condenou o pecado.
Rm 8.4 para que a justa exigência da lei se cumprisse em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito.
Rm 8.5 Pois os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne; mas os que são segundo o Espírito para as coisas do Espírito.
Rm 8.6 Porque a inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz.
Rm 8.7 Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus, nem em verdade o pode ser;
Rm 8.8 e os que estão na carne não podem agradar a Deus.
Rm 8.9 Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele.
Rm 8.10 Ora, se Cristo está em vós, o corpo, na verdade, está morto por causa do pecado, mas o espírito vive por causa da justiça.
Rm 8.11 E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos mortos ressuscitou a Cristo Jesus há de vivificar também os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em vós habita.
Rm 8.12 Portanto, irmãos, somos devedores, não à carne para vivermos segundo a carne;
Rm 8.13 porque se viverdes segundo a carne, haveis de morrer; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras do corpo, vivereis.
Rm 8.14 Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus, esses são filhos de Deus.
Rm 8.15 Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes com temor, mas recebestes o espírito de adoção, pelo qual clamamos: Aba, Pai!
Rm 8.16 O Espírito mesmo testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus;
Rm 8.17 e, se filhos, também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo; se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados.